HOSPITAL DA MULHER: Crianas vivenciam uma experincia nica sobre gestao e cuidados com bebs

26/5/2023, 18:51 | Fotos: Divulgao/FHFS

Na manhã da última quarta-feira (25), o Hospital da Mulher e o Colégio Lírio dos Vales uniram forças para proporcionar uma experiência educativa e emocionante aos alunos do grupo 3, com idades entre 3 e 4 anos. Intitulada "Minha vida, uma história de amor", a iniciativa teve como objetivo aproximar as crianças do universo da gestação, nascimento e cuidados com os recém-nascidos. Os pequenos tiveram a oportunidade de visitar os setores do Banco de Leite e do Método Canguru, compreendendo assim a importância desses serviços para a saúde e o bem-estar dos bebês.

A coordenadora pedagógica do Colégio Lírio dos Vales, Patrícia Amorim, explicou a proposta do projeto: "Nosso objetivo é trabalhar com as crianças a questão do nascimento, desde a gestação da mamãe até a escolha dos nomes e o primeiro local onde o bebê nasce, mostrando para elas que todas as crianças têm uma história de amor para contar". Patrícia ressaltou a importância da parceria com o Hospital da Mulher e elogiou a visita ao Banco de Leite, afirmando que essa experiência é inovadora para os alunos, pois eles puderam compreender como as doações do Banco de Leite Humano são essenciais para a alimentação de bebês prematuros, além de conhecerem o método canguru e sua importância para o desenvolvimento dos recém-nascidos.

Gilberte Lucas, diretora-presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, enfatizou a importância da cooperação entre o colégio e o Hospital da Mulher, ressaltando que essa parceria fortalece os vínculos familiares e contribui para o crescimento e desenvolvimento pedagógico dos alunos. "Essas ações resignificam as nossas experiências em humanizar o nosso serviço. O colégio aborda a parte teórica com os alunos, já o hospital proporciona a vivência prática", destacou Lucas.

Durante a visita aos setores do Banco de Leite e do Método Canguru, as crianças puderam observar e aprender sobre a importância do leite materno na alimentação dos bebês, bem como a técnica do Método Canguru, que promove o contato pele a pele entre o bebê prematuro e seus pais, fortalecendo o vínculo afetivo e auxiliando no seu desenvolvimento.



  •